Lissauer manifesta repúdio às ameaças sofridas pela deputada Delegada Adriana Accorsi

Criticando o extremismo político e partidário, o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) repudiou as mensagens intimidatórias enviadas à parlamentar e afirmou que a Casa está fornecendo a ela todo suporte necessário

O presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), Lissauer Vieira (PSB), repudiou de forma veemente, durante entrevista concedida à TV Alego na tarde desta quinta-feira, 19, as ameaças direcionadas à deputada Delegada Adriana Accorsi (PT). A parlamentar, que concorreu à prefeitura de Goiânia nestas últimas eleições, e sua família, foram ameaçadas através de um perfil falso na rede social Instagram no início desta semana. Para o chefe do Poder Legislativo, é inadmissível que este tipo de intimidação ocorra, sobretudo, por questões políticas.

“Nós não podemos jamais aceitar que uma parlamentar com o calibre e com a seriedade da Delegada Adriana Accorsi sofra algum tipo de ameaça nesse sentido, principalmente, por extremistas políticos. Cada um defende a sua bandeira, o seu lado partidário, as suas posições, mas isso tem que ficar no campo das discussões, até porque nós vivemos em um país democrático. Esse radicalismo não pode ser aceito de forma alguma”, afirmou Lissauer.

O presidente da Alego reforçou ainda que o Poder Legislativo está fornecendo todo suporte necessário à deputada e acredita que, em breve, os responsáveis pelas ameaças dirigidas à parlamentar serão identificados pelas forças policiais do estado. Lissauer também destacou a importante atuação legislativa de Adriana Accorsi na Casa de Leis e a sua contribuição para o fortalecimento da democracia goiana.

“As ameaças feitas à delegada já estão nas mãos da Polícia Civil e eu tenho certeza de que a investigação vai chegar nas pessoas que fizeram isso e elas sofrerão as penalidades que a legislação determina. Nós estamos dando à deputada todo aparato policial através da nossa assistência militar e, também, da Polícia Legislativa. A Delegada Adriana Accorsi sempre foi uma grande companheira, uma excelente parlamentar e tem contribuído muito para a democracia do nosso estado. Nós pedimos a Deus que tudo ocorra da melhor forma possível e que a polícia possa chegar nos responsáveis por esse absurdo”, declarou o presidente Lissauer.